Clique aqui para conhecer o maior site de Poesias da Internet !!! Soares Feitosa 
Av. Antônio Justa, 3.440 /501 
CEP: 60165-090 - Fortaleza, CE 
Fone 085.242.87.25 - Email
Novidades da semana

Você quer participar? 

Veja como é fácil
 

 
Paulo Ludmer
Rua Capitão Prudente, 161, ap. 51
05422-050 - São Paulo - SP

        Ana Graça
         

        Azul, em ponto flotante
        Anela afã hipotenusa.
        A reta plana prancheta
        Intrusa obtusa a eclusa.

        A musa cruza brincante,
        Lambuza, aríete de gusa
        Alonga lontra xereta,
        Aventa, obtura-se medusa.

        Respira, arfa avante,
        Mondega repousa a blusa.
        Deposta, nua, luneta,
        Azáfama, búlgara e fusa.

        Queroquerente
        vaza-gente
        pipíárvoreícente
        úmid'ardente,
        tênue-timorata
        vagina consípirata,
        vara, voga, vaga,
        aperta, traga, draga,
        drena, drapeja,
        espreme o frêmito que enseja.
        M'estranha, m'estanha,
        mourisca, ouriça,
        sândalo, marisca
        extrato noeste,
        pisca, apetece,
        vulva e idioma,
        conforto, coma,
        voz de siri - lagosta,
        do alpinista a crosta,
        verbo que adoece
        a letra tece.


Do livro Línguaçodada, 
Massao Ohno Editor, 1994

Página inicial do JP