Clique aqui para conhecer o maior site de Poesias da Internet !!! Responsável: 
Soares Feitosa 
Endereço  
Email
 
Novidades da semana
Página atualizada em 11.09.1999
 
Lígia Neves
<nevaska@usa.net
Thereza
 

Mulher,
De lindos seios a sua alteza
Me curvo diante de tua beleza
Para me enforcar na solidão do teu abraço

Para quando mais tarde me procurraes me encontre onde 
Me escravizas até no meu cansaço quando
Parte de mim conserva-te assim:

Tem dó de mim, Oh Thereza !
Mulher de um só voz, carregas na boca o mel
Carregas uma alma tão só
Deixa eu apreciar teus cabelos, pêlos, pelos cantos da terra és gentil.

Vejo quando o Sol se põe...
Numa tarde sem fim, me entusiasmo ao querer-te e ao te perder. 
Enlouqueci !

Ao pairar na paineira roubo-te um beijo, minha amada.
 


 Página principal do JP


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

.